COMISSÃO INTERNA DE BIOSSEGURANÇA

 
 
 
 
 

CIBio - COMISSÃO INTERNA DE BIOSSEGURANÇA
Cadastro de Projetos de Pesquisa para Organismos Geneticamente Modificados (OGM)


O Biotério Central da FMUSP (DTAPEP) obteve em agosto de 2013 o certificado de qualidade em biossegurança (CQB / nível 1) concedido pela CTNBio (Comissão Técnica Nacional de Biossegurança do Ministério da Ciência,Tecnologia e Inovação).

Um dos pré-requisitos para a obtenção deste CQB foi a criação de uma Comissão Interna de Biossegurança - CIBio. Segundo o Art 11º da lei 11.105/05, a CIBio é necessária para toda a instituição que utiliza técnicas e métodos de engenharia genética ou que realize pesquisas com organismos Geneticamente Modificados (OGM) e seus derivados.

As responsabilidades da CIBio incluem acessar, avaliar e monitorar os trabalhos feitos com OGM,s dentro da instituição a que se refere o CQB. Para isso, é obrigatório apresentar anualmente à CTNBio (Art. 10 da Resolução Normativa Nº 1, de 20 de Junho de 2006), um relatório das atividades que foram desenvolvidas na unidade operativa. Este relatório deverá ser entregue até 31 (trinta e um) de março de cada ano, sob pena de suspensão do CQB e paralisação das atividades.


Escolha a CIBio do local onde será desenvolvido seu projeto


CIBio Biotério FMUSP

  • Laboratório de Manutenção de Animais do Biotério FMUSP

  • CIBio Departamento de Radiologia e Oncologia

  • Centro de Investigação Translacional em Oncologia
  • Centro de Medicina Nuclear
  • Pesquisa Clínica

  • CIBio HC FMUSP

  • Laboratório de OGM do HC

  •  

    CIBio IMT

  • Laboratório de OGM do IMT

  • Endereço da Central-CIBio